Resultados da sua pesquisa

Pesquisa aponta que goianiense tem desejo de morar próximo a áreas verdes e parques

Postado por Editor Aluguel Direto em 13/05/2019
| 0

 

Parque Flamboyant, em Goiânia, Goiás — Foto: Vanessa Chaves

Segundo estudo, entornos de parques, como o Areião, Vaca Brava e Flamboyant, são ocupadas por residenciais de luxo com apartamentos acima de 200 m².

Uma pesquisa realizada pela Terral Incorporadora apontou que o desenvolvimento imobiliário no entorno de parques da capital, como o Areião, Vaca Brava e Flamboyant, se deve à preferência do goianiense em morar próximo a área verdes. Com isso, a incorporadora vai lançar um prédio com apartamentos menores e com foco no público de classe média.

O diretor da Terral Incorporadora, Marcelo Borges, explica que os preços dos terrenos próximos a parques são mais altos e, por isso, os projetos com apartamentos maiores e de luxo acabam tendo maior viabilidade financeira. “O metro quadrado no entorno dos parques geralmente custa 25% a mais do que no restante do bairro”, diz Marcelo.

O censo demográfico feito pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2010, mostrou que Goiânia é a cidade mais arborizada do Brasil, com 89,5% de seu território coberto por árvores. A maior parte dessa massa verde está localizada em cerca de 40 parques da cidade. Os imóveis próximos a esses espaços estão entre os mais desejados pelos goianienses.

Uma pesquisa feita em 2018 pela Core Intelligence, com moradores da capital, mostrou que 97,3% dos entrevistados consideram que a proximidade com um parque é um grande atrativo para se comprar um imóvel.

A Terral Incorporadora mostrou que caminhar em áreas verdes é a segunda atividade de lazer mais praticada entre as pessoas ouvidas, com um percentual de 12,4%, perdendo apenas para programas com a família, que está em 21,2% da preferência entre os entrevistados.

Segundo a pesquisa feita pela incorporadora, em 2009 o preço médio do metro quadrado no entorno do parque Areião era de R$ 4.000, e em 2019 saltou para R$ 9.000, uma valorização de 125% em dez anos. O Índice Geral de Preços do Mercado (IGPM) do período ficou em 71,95%. O parque está localizado entre os bairros Pedro Ludovico, Marista e Bela Vista.

Segundo o diretor, apesar de mais caros, há uma demanda constante por imóveis perto de parques e que essa predileção dos goianienses levou a Terral Incorporadora a apostar em um empreendimento na orla do Parque Areião, um dos mais tradicionais de Goiânia.

Parque Areião em Goiânia, Goiás — Foto: Comunicação Sem Fronteiras

Vereda Areião

O Vereda Areião, cujo lançamento está planejado para junho, localizado em frente ao parque, conta com apartamentos de dois e três quartos, com metragens menores que as unidades de luxo que são comumente encontradas no seu entorno. Os tamanhos são de 111m², com três suítes, e 66m², com dois quartos e uma suíte.

Segundo Marcelo Borges, o empreendimento da Terral ficará na Rua 90, na orla do parque. Além da concorrida vista, a compra de um imóvel desses é considerada um investimento com retorno garantido.

“Desenvolvemos um projeto que irá democratizar o acesso a esse bem-estar que se tem quando se mora perto de uma área verde tão bonita como o Areião”, afirma Marcelo.

Parque Areião no Setor Pedro Ludovico em Goiânia, Goiás — Foto: Vanessa Chaves

Fonte: g1.globo.com

  • Pesquisar

    0 R$ a 5.600.000 R$

    More Search Options